quarta-feira, 28 de julho de 2010

...o vôo do amor pelas ilhas do prazer!...

 
namorar...
pensar o amor
sentir ardência
sentir calor
num turbilhão ventoso
num movimento louco
me levas, eu deixo... e,
quero sentir o colo,
o abrigo do abraço,
as palavras doces
o libido teu,
o sussurro,
o murmúrio meu...

inibidos pelo desejo incontido
mergulhados na volúpia
das palavras ditas
no desejos carnais...
ah...!!! nunca serão demais....
tu e eu, não será preciso mais.
tu contas, eu ouço,
coração bate,
eu tremo, não vacilo,
tu sentes...  eu vivo
a luxuria em gruta amiga
num ar de quem não quer.... e quer...
excito-me, me contenho
a força  do desejo tem poder
o corpo fremido
precisa de aconchego
de um lugar para se acolher...

oh!!! favores amorosos,
doces toques de pele
as mentes voam,
os músculos retesam
o sangue ferve.....
e nós..., tolos,
não deixamos que a paz
nos  turve o que gostamos louco...
me fala,
conta-me teus fetiches
diz-me de ti, eu escuto
eu sou o mundo,
eu sou o desejo
eu sou o gosto,
eu sou o teu ser
te desejo,
te pressinto,
num movimento lascivo
num encontro,
numa raiva,
do que tem que ser.
Dos teus sons,
dos teus gemidos
não vou esquecer
vou guardá-los, senti-los
até ao alvorecer...
deixa eu gritar,
não te aflijas
o meu desmaiar,
é meu jeito,
é gosto...
é  o meu jeito de te amar!!!!.

Kássya 22/07/2010

4 comentários:

Anônimo disse...

queria falar, mas falta-me a voz,....
queria chorar de emoçao, mas secaram me as lagrimnas....
queria sorrir de alegria, mas estou sufucado....
queria viver isso aí, mas estou nos confins, longe de tudo...
queria fechar os olhos, sentir essa prosa, mas nao posso, pk a deixaria de ler....
queria......, queria.... eu bem queria.....
mas vou ler, re-ler, sentir, e deixar tudo fluir, procurar o tacto, procurar o odor, sentir tudo isso, mesmo que isso seja tudo
o que queremos, tudo isso é amor.

antonio ferreira
voarnopensamento

ELTON SIPIÃO O ANJO DAS LETRAS. disse...

Belo texto, ele tem uma linguagem poética lindissima além de extremamente romântico. Como é maravilhoso ler uma mulher escrever com tanta desenvoltura e talento sobre o amor-erótico. Adorei,beijos poéticos.

Anônimo disse...

Eu e meu amigo adoramos, ficamos curtindo e sonhando!!!!!!!!!

Anônimo disse...

Em meus anos de vida, já havia desistido de encontrar uma mulher com este poder de transmitir tanta paixão, tanto desejo.
Adorei-te!
És Deusa de amor,
volupia latente,
Phoenix escaldante nas larvas de um vulcão mulher poderosa
amante incadescente,
estrala que brilha no céu...
Deus!
que falar de ti? e desta prosa formosa?

Doeu-me o peito...
não a conheço, nunca a vi...
mas senti-me enciumado do homem alvo de tamanho desejo, tamanho, fervor...
Imagino-te!
Deves ser uma benção dos céus,
feliz deste homem que te tem que te possui, a anos sonho com alguém assim...

Voltarei aqui vezes e mais vezes.
ate saciar a minha sede de conhecer encantadora Deusa.

Beijos!!!