sábado, 11 de setembro de 2010

Como o vento...

Como o vento
que sopra delicadamente,
vou tocar
teus cabelos suavemente,
sussurrar palavras
ao teu ouvido...
acariciar tua pele
tão sutilmente que achara
ser tua imaginação
estou chegando em pensamentos
e... como o vento...
vou te tocar
e viajar no tempo,
e assim te encontrar
vou inventar esperanças de novo
esperanças... de poder
minha sede de teus beijos saciar...

Kássya 10/09/2010 - 13:30h

4 comentários:

Sissym disse...

A paixão é uma loucura poetica que faz muito bem a pele!

Anônimo disse...

Olharmos apaixonadamente uma mesma coisa é inevitavelmente,começar a amar-se.!!tuas palavras enchem os corações de quem as lê.bjsss!

Marcos Airosa disse...

Oi Kassia, parabéns lindo. Sevc quiser participar do Sala dos amigos escritores me avise que te mando convite.Bjo

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Bonitas palavras :)